Lucro da Apple cai quase 10%, mas supera expectativas

A Apple anunciou, na noite desta segunda-feira, 28, um lucro líquido de US$ 7,51 bilhões (US$ 8,26 por ação) no quarto trimestre fiscal, encerrado em 30 de setembro, quase 10% menor do que o lucro de US$ 8,22 bilhões (US$ 8,67 por ação) no mesmo período do ano passado. O resultado, porém, superou as expectativas dos analistas, que previam lucro por ação de US$ 7,96.

Agencia Estado

28 de outubro de 2013 | 19h25

A receita da companhia subiu 4%, para US$ 37,47 bilhões, ante US$ 35,97 bilhões há um ano, e também superou a previsão de US$ 36,9 bilhões. As vendas de iPhone cresceram em bases anuais e superaram as expectativas, enquanto as de iPad ficaram estáveis e as vendas do computador pessoal Mac recuaram.

A Apple vendeu 33,8 milhões de iPhone no trimestre, alta de 26% em relação ao mesmo período do ano passado. Já as vendas de tablets iPad ficaram praticamente estáveis em 14,1 milhões de unidades, enquanto as vendas de Mac totalizaram 4,6 milhões, com queda de 7%.

O presidente da Apple, Tim Cook, disse que os resultados proporcionaram "um fim forte" para o ano fiscal.

Para o primeiro trimestre fiscal de 2014, a Apple projeta receita entre US$ 55 bilhões e US$ 58 bilhões e margem bruta entre 36,5% e 37,5%.

A reação dos investidores ao resultado da Apple, porém, foi negativa, com as ações caindo 2,20% no after hours. No pregão tradicional, os papéis da companhia encerraram o dia com alta de 0,74%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Apple

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.