Lucro da Boeing recua para US$ 965 mi no 1º trimestre

A Boeing informou, nesta quarta-feira, 23, ter registrado lucro líquido de US$ 965 milhões no primeiro trimestre deste ano, 13% menor do que o ganho de US$ 1,11 bilhão de igual período de 2013. Na mesma comparação, o lucro por ação recuou para US$ 1,28, de US$ 1,44. O ganho operacional ajustado por ação, que exclui componentes de planos de aposentadoria relacionados a flutuações de mercado e outros itens, subiu para US$ 1,76, de US$ 1,73. A receita cresceu para US$ 20,47 bilhões.

Agencia Estado

23 de abril de 2014 | 09h13

O lucro ajustado e a receita superaram as expectativas de analistas consultados pela Thomson Reuters, que previam ganho por ação de US$ 1,56 e vendas de US$ 20,2 bilhões. Além disso, a Boeing elevou sua previsão de lucro por ação neste ano, para uma faixa entre US$ 7,15 a US$ 7,35, de um intervalo anterior que ia de US$ 7,00 a US$ 7,20, para refletir o fechamento de um acordo tributário. Às 9h02 (de Brasília), as ações da empresa subiam 1,92% no pré-mercado em Nova York.

A Boeing atribuiu a queda no lucro líquido a custos relacionados a mudanças que serão feitas em seus planos de aposentadoria a partir de 2016. Como resultado, o balanço do primeiro trimestre inclui aproximadamete US$ 330 milhões em despesas ligadas à alteração planejada. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Boeingbalanço1º trimestre 2014

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.