Lucro da Boeing sobe e empresa eleva previsão de ganho

O lucro da Boeing subiu 2,8% no segundo trimestre deste ano, para US$ 967 milhões (US$ 1,27 por ação), de US$ 941 milhões (US$ 1,25 por ação) no mesmo período do ano passado. Na mesma comparação, a receita cresceu 21%, para US$ 20,01 bilhões.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

25 de julho de 2012 | 10h11

Analistas ouvidos pela Thomson Reuters previam lucro por ação de US$ 1,12 e receita de US$ 19,37 bilhões. Às 9h40 (de Brasília), as ações da fabricante de aviões, que integra o índice Dow Jones, subiam 2,73% no pré-mercado em Nova York.

A companhia elevou suas estimativas para ganhos neste ano e agora prevê de US$ 4,40 a US$ 4,60 por ação, acima da projeção anterior de entre US$ 4,15 e US$ 4,35. A Boeing também aumentou a previsão para a receita em US$ 1,5 bilhão, para entre US$ 79,5 bilhões e US$ 81,5 bilhões.

A divisão de jatos comerciais teve receita de US$ 11,84 bilhões, 34% maior do que no segundo trimestre do ano passado, com aumento de 27% nas entregas. No entanto, a Boeing, assim como outras empresas do setor, enfrentou dificuldades em consequência da redução dos gastos do governo dos EUA com a área de defesa.

A divisão de defesa, segurança e setor aéreo da Boeing teve alta de 7% na receita, para US$ 8,19 bilhões, enquanto os ganhos operacionais caíram 6%. Na divisão de sistemas de rede e espacial a queda no lucro foi de 34%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Boeingbalançosegundo trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.