Lucro da CSN dispara no 4o tri a R$817 milhões

A Companhia Siderúrgica Nacional encerrou o quarto trimestre com lucro líquido de 817 milhões de reais, num salto de 81 por cento sobre o resultado apurado um ano antes.

REUTERS

27 de março de 2012 | 07h43

A empresa, que atua principalmente nos segmentos de aço e mineração, teve uma geração de caixa ajustada medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 1,463 bilhão de reais em termos ajustados, avanço ligeiro de 1 por cento na comparação anual. No período, a margem a passou de 42 por cento para 35 por cento.

A média de sete previsões de analistas obtida pela Reuters para o resultado indicava um lucro líquido de 733 milhões de reais no quarto trimestre e Ebitda de 1,5 bilhão de reais.

A CSN fechou o trimestre com receita líquida de 4,167 bilhões de reais, 21 por cento acima do obtido um ano antes.

Enquanto isso, as vendas em volume de aço somaram 1,196 milhão de toneladas, evolução de 15 por cento sobre o quarto trimestre de 2010. Já as vendas de minério de ferro foram de 8,016 milhões de toneladas, considerando 100 por cento de participação na unidade Namisa, 25 por cento acima do comercializado nos três últimos meses do ano anterior.

(Por Alberto Alerigi Jr.; edição Diogo Ferreira Gomes)

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIACSNRESULTS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.