Lucro da Ford cai 80% no 4o tri,mas no ano é o melhor desde 1999

A Ford Motor apresentou nesta sexta-feira uma queda de 80 por cento no lucro do quarto trimestre, decorrente de encargos com pagamento de dívidas. A montadora, no entanto, elevou sua previsão para produção na América do Norte no atual trimestre e sua estimativa para vendas no fechado de 2011.

REUTERS

28 de janeiro de 2011 | 10h50

O lucro líquido de outubro a dezembro somou 190 milhões de dólares, ou 0,05 dólar por ação, incluindo um encargo com dívidas de 960 milhões. O resultado se compara ao ganho de 886 milhões de dólares, ou 0,25 dólar por papel, no mesmo período do ano anterior.

Já o lucro líquido no ano passado como um todo foi de 6,6 bilhões de dólares, ou 1,66 dólar por ação, superior aos 3,8 bilhões apurados em 2009 e o maior valor alcançado desde 1999, segundo a companhia.

A Ford deu como garantia a maioria de seus ativos para obter financiamento de 23,5 bilhões de dólares em 2006, movimento que permitiu à montadora custear o desenvolvimento de novos produtos sem ter de aceitar ajuda do governo norte-americano, a exemplo do que fizeram General Motors e Chrysler.

A companhia informou ter reduzido seu endividamento em 14,5 bilhões de dólares em 2010, diminuindo custos anuais com juros em mais de 1 bilhão de dólares.

As ações da montadora recuavam mais de 7 por cento após a divulgação dos resultados.

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSFORDRESULTS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.