Lucro da MasterCard mais que dobra em um ano

A MasterCard afirmou nestaterça-feira que seu lucro no primeiro trimestre mais que dobrouem um ano, ajudado por um dólar mais fraco e venda departicipação na empresa de serviços de cartão de créditoRedecard, no Brasil. O lucro líquido da empresa norte-americana foi de 446,9milhões de dólares, ou 3,38 dólares por ação, contra 214,9milhões de dólares, ou 1,57 dólar por ação, um ano antes. Excluindo-se itens especiais, a MasterCard teve lucro de3,01 dólares por ação, contra previsão média de 2 dólares poração, segundo previsão de analistas obtida pela ReutersEstimates. A receita aumentou 29,2 por cento, para 1,182 bilhão dedólares, ajudada pelas flutuações cambiais e um aumento de 15,7por cento no número de transações processadas. A MasterCard ainda passou a promover mudanças de preços, oque ajudou a impulsionar a receita. Investidores estão preocupados sobre como a economia iráafetar as empresas de cartões de crédito, como a MasterCard. Acompanhia não realiza empréstimos, assim ela não possui riscosde crédito, mas se o gasto do consumidor cair, a receita daMasterCard pode ser afetada. O presidente-executivo da empresa, Bob Selander, afirmou emcomunicado que a "MasterCard continua a ver crescimento naregião dos Estados Unidos apesar da continuada incertezaeconômica". Na segunda-feira, a rival Visa anunciou aumento de lucrotrimestral para 314 milhões de dólares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.