Lucro da Pfizer aumenta 25% no 2º trimestre

O lucro da Pfizer subiu 25% no segundo trimestre deste ano, para US$ 3,25 bilhão, ou US$ 0,43 por ação, do lucro de US$ 2,61 bilhões, ou US$ 0,33 por ação, em igual período do ano passado.

SERGIO CALDAS, Agencia Estado

31 de julho de 2012 | 10h30

Excluindo impactos relacionados a aquisições e outros itens, o lucro por ação subiu para US$ 0,62, de US$ 0,59. A receita, por outro lado, caiu 8,7% na mesma comparação, para US$ 15,06 bilhões.

A Pfizer está aumentando o foco no negócio de fármacos depois de perder, em 30 de novembro último, a exclusividade nos EUA da droga de combate ao colesterol Lipitor, que já foi o medicamento mais vendido do mundo. No trimestre, as vendas mundiais do Lipitor caíram 52%, para US$ 1,22 bilhão, pressionadas por uma queda de 79% nos EUA.

A empresa norte-americana está vendendo sua unidade de nutrição, que produz fórmulas para bebês, para a Nestlé, por cerca de US$ 11,85 bilhões, e planeja cindir seu negócio para a saúde animal, que deverá se chamar Zoetis, por meio de uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) de ações.

Às 10h08 (de Brasília), as ações da Pfizer subiam 0,97% no pré-mercado de Nova York. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Pfiserbalançosegundo trimestre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.