Lucro da Starbucks sobe 34% no 3º trimestre

Companhia se prepara para que a China se torne seu maior mercado fora dos Estados Unidos 

Filipe Domingues, da Agência Estado,

28 de julho de 2011 | 18h29

O lucro da companhia norte-americana de café Starbucks Corp aumentou 34% no terceiro trimestre, período em que a empresa registrou elevação nas vendas em lojas abertas há um ano ou mais, tanto nos Estados Unidos quanto em outros países. O montante gasto por consumidor em cada compra também subiu. No trimestre encerrado em 3 de julho, a Starbucks lucrou US$ 279,1 milhões, ou 36 centavos de dólar por ação, ante US$ 207,9 milhões, ou 27 centavos por ação, no mesmo trimestre do ano anterior. Os resultados do período equivalente no ano passado incluíram encargos com reestruturação de 2 centavos por ação.

A receita líquida da Starbucks subiu 12% no terceiro trimestre, para US$ 2,93 bilhões. A margem bruta, que inclui gastos de ocupação (aluguéis, escritórios, estocagem, etc), diminuiu de 58,8% para 57,5%. Em abril, a companhia anunciou que esperava lucro de 32 a 33 centavos por ação no terceiro trimestre. Para o ano cheio, agora a Starbucks espera lucro de US$ 1,50 a US$ 1,51 por ação, ante US$ 1,46 a US$ 1,48 previsto em abril.

As vendas internacionais nas lojas abertas há um ano ou mais cresceram 5%. Neste mês, a Starbucks anunciou a reestruturação de suas atividades em três divisões: China e Ásia-Pacífico; Américas; e Europa, Oriente Médio e África (Emea). A companhia se prepara para que a China se torne seu maior mercado fora dos Estados Unidos.

O diretor financeiro da Starbucks, Troy Alstead, afirmou que os esforços da companhia no sentido de estimular o cliente a frequentar suas lojas ajudaram a compensar o impacto da alta das commodities. A Starbucks e outros produtores de café estão elevando os preços de seus produtos, numa resposta à elevação do custo do café verde. No início do mês, a Starbucks subiu os preços de bebidas mais elaboradas e de cafés embalados vendidos em cafeterias dos Estados Unidos.

A Starbucks lançou recentemente um programa de fidelidade, além de oferecer um novo sistema de pagamento móvel para permitir que os consumidores utilizem seus celulares nas compras. No último trimestre, as vendas em lojas abertas há um ano ou mais subiram 8% nos Estados Unidos. Diante de resultados melhores do que o esperado, as ações da Starbucks subiram 1,6% no after-hours, para US$ 40,60. As ações tiveram valorização de 24% neste ano, até o fechamento de hoje. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
lucroStarbuckscafé

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.