Lucro da Texas Instruments cresce 60% no 3º trimestre

O lucro da Texas Instruments cresceu 60% no terceiro trimestre em comparação a igual período do ano passado, beneficiado por um aumento na margem bruta da companhia. Apesar disso, as ações recuavam 1,07% nesta segunda-feira no after hours, visto que as estimativas de lucro e receita para o quarto trimestre decepcionaram parte dos investidores.

GUSTAVO NICOLETTA, Agencia Estado

25 de outubro de 2010 | 20h08

A Texas Instruments teve lucro de US$ 859 milhões - ou US$ 0,71 por ação - no terceiro trimestre, de US$ 538 milhões - ou US$ 0,42 por ação - um ano antes. A receita cresceu 30%, para US$ 3,74 bilhões, enquanto a margem bruta subiu para 54,5%, de 51,4%.

"A demanda das indústrias foi especialmente forte, enquanto a dos consumidores diminuiu, impactando mercados como os de computadores e televisores", afirmou o executivo-chefe da companhia, Rich Templeton.

A Texas Instrument estima que no quarto trimestre terá um lucro de US$ 0,59 a US$ 0,67 por ação e uma receita de US$ 3,36 bilhões a US$ 3,64 bilhões. Analistas consultados pela Thomson Reuters esperavam um lucro por ação de US$ 0,63 e uma receita de US$ 3,51 bilhões para o período. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
tecnologiaTexas Instrumentslucro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.