Lucro global da Peugeot quase quadruplica em 2007

Maior produção de veículos e vendas de produtos de valor mais alto impulsionaram resultados

Danielle Chaves, AE

13 de fevereiro de 2008 | 13h32

A montadora francesa PSA Peugeot Citroën anunciou que o lucro líquido quase quadruplicou em 2007, como resultado do plano de longo prazo para cortar custos e melhorar a eficiência da empresa. O lucro saltou de 183 milhões de euros em 2006 para 885 milhões de euros (US$ 1,289 bilhão).

O lucro da segunda maior fabricante de veículos da Europa em vendas foi ajudado pelo aumento de 3,8% no número de veículos produzidos no ano passado, que atingiu 3,43 milhões de unidades, e pela melhora nos preços e na maior proporção de venda de produtos de valor mais alto.

A receita do ano passado cresceu 7,1%, de 56,59 bilhões de euros para 60,61 bilhões de euros, com a divisão de automóveis da companhia registrando alta de 6,5%, para 46,46 bilhões de euros.

O executivo-chefe da Peugeot Citroën, Christian Streiff, determinou o objetivo de vendas anuais de 4 milhões de veículos até 2010, com a principal parte do crescimento fora do mercado maduro europeu. A empresa antecipa uma pequena queda no mercado automotivo na Europa Ocidental em 2008, mas está otimista sobre seu potencial de vendas, apontando o avanço dos novos produtos lançados no ano passado.

Streiff declarou, em uma conferência com analistas, que o ambiente de negócios da companhia em 2008 será "mais difícil" do que em 2007. "A segunda metade de 2007 foi melhor do ponto de vista de ambiente de negócio, mas é extremamente difícil ter o mesmo tipo de confiança no ambiente atual."

A Peugeot Citroën afirmou que espera que os mercados do Leste europeu, da China e da Rússia mostrem crescimento de dois dígitos nas vendas neste ano, apesar de menor do que em 2007, e previu crescimento lucrativo graças à expansão de sua linha de modelos. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.