Lucro global do Carrefour atinge US$ 104 mi no semestre

A rede varejista francesa Carrefour anunciou um lucro líquido de 82 milhões de euros no primeiro semestre (cerca de US$ 104 milhões), ante os 58 milhões de euros de prejuízo registrados no mesmo período do ano passado, quando despesas relacionadas a operações na Itália pesaram sobre o desempenho do grupo. A companhia informou hoje que está no caminho para atingir sua meta de 3,1 bilhões de euros de lucro operacional em 2010, mesmo com um encargo previsto de cerca de 80 milhões de euros, principalmente no Brasil.

LIGIA SANCHEZ, Agencia Estado

31 de agosto de 2010 | 10h51

O lucro líquido no primeiro semestre foi favorecido pelo crescimento das vendas nos mercados emergentes, que ajudaram a compensar a contínua fraqueza na Europa, região em que a perspectiva continua cautelosa. O lucro operacional do Carrefour foi de 1,1 bilhão de euros no primeiro semestre, ante 1,02 bilhão de euros do mesmo período do ano passado. O resultado bateu as estimativas dos analistas, de lucro operacional de 1,05 bilhão de euros.

O Carrefour registrou aumento de 5,9% nas vendas do primeiro semestre, para 48,9 bilhões de euros, em função de uma melhoria nas vendas na França, combinada com o crescimento nos mercados emergentes, o que compensou a fraqueza no restante da Europa. Na Ásia, o lucro operacional subiu 28%, para 139 milhões de euros. O resultado foi puxado pela China, pela recuperação das operações na Tailândia e pelos sinais iniciais de recuperação em Taiwan.

No entanto, o lucro operacional da companhia na América Latina caiu 4,8%, para 147 milhões de euros, pressionado pelo fraco desempenho em hipermercados, pela redução de estoques e por encargos contábeis. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.