Lupatech cria empresa para intervenção em poços de petróleo

A Lupatech, fabricante de equipamentos para o setor de petróleo e gás, anunciou na noite desta segunda-feira a criação da Lupatech Oilfield Services, com foco na prestação de serviços de intervenção em poços e investimentos iniciais de 16 milhões de dólares.

REUTERS

29 de março de 2010 | 21h28

A nova empresa é resultado da soma de "experiências entre a Lupatech e Penta, empresa de serviços de petróleo que reúne experientes profissionais do setor, oriundos de empresas como Schlumberger, BP, Petrobras e Repsol, com plano de negócios prevendo a atuação inicial no Brasil, Colômbia e México".

Segundo comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), os primeiros mercados a serem desenvolvidos serão Brasil, Região Andina (Colômbia e Peru) e México, escolhidos por apresentarem escala de mercado e excelentes perspectivas de crescimento.

A Lupatech terá 85 por cento do controle da nova companhia. Os executivos João Carlos de Luca, Cesar Paolini e Carlos Portela ficarão com os 15 por cento restantes, podendo ampliar esta participação para até 30 por cento, informou a nota.

"A criação da Lupatech Oilfield Services marca uma nova fase do setor na América Latina, já que consiste no surgimento de um player regional na área de serviços especializados para petróleo e gás", afirmou a empresa.

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIALUPATECHPETROLEO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.