Divulgação
Divulgação

Magazine Luiza avalia possibilidade de fechar capital, diz Trajano

Diante da queda do valor das ações da companhia e da redução do volume de papéis no mercado, a presidente do conselho da empresa disse que esta é uma opção; Magazine não tem discutido aquisições em 2016

Agência Estado e Reuters

10 Dezembro 2015 | 12h02

A presidente do Conselho de Administração da varejista Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano, disse nesta quinta-feira, 10, que a empresa pode considerar fechar capital da companhia, diante da queda do valor das ações e da redução do volume de papéis em negociação no mercado, apesar de não ter iniciado até o momento discussões formais nesse sentido.

Respondendo a questionamento de durante apresentação a investidores e analistas, a executiva afirmou que "ainda não chegamos a discutir isso, mas pode ser uma possibilidade”, disse. "O que nos interessa na companhia é sua sustentabilidade", disse ela sem dar mais detalhes.

O vice-presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza, Marcelo Silva, afirmou que a companhia não tem discutido a realização de aquisições em 2016. "Não é algo que está sendo considerado no planejamento de 2016, e não temos discutido nem no Conselho de Administração nem na diretoria executiva", declarou durante evento em São Paulo.

O executivo respondeu a pergunta de um analista sobre a possibilidade de a companhia aproveitar o cenário de crise, no qual redes pequenas e médias tendem a passar por dificuldades.

"Na verdade, nos preocupa ver pequenos e médios em dificuldade, porque significa que o setor todo está em dificuldade", disse. Ele reforçou que os planos da companhia são de crescimento orgânico. "Vamos continuar identificando regiões com oportunidade (para abertura de lojas) e trabalhamos com a oportunidade de aumentar vendas por loja, preservando a margem bruta", declarou. (Colaborou Dayanne Sousa, da Agência Estado)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.