MasterCard pagará até US$1,8 bi à American Express após acordo

A MasterCard, segunda maior rede decartões de crédito do mundo, informou na quarta-feira quepagará à American Express até 1,8 bilhão de dólares para fazerum acordo em um processo que acusava a MasterCard e a Visa deimpedirem bancos de emitirem cartões da rival. A American Express informou que até agora em junho, ascondições de crédito se enfraqueceram mais que o esperado e queo acordo no processo vai gerar recursos em um momento em que oenfraquecimento da economia norte-americana afeta seudesempenho. A MasterCard informou que assumirá encargo de 1 bilhão dedólares no segundo trimestre por conta do acordo. O caso foi aberto em 2004 pela American Express contra aMasterCard, Visa e oito bancos. O processo acusava que "aspráticas anticompetitivas" das associações de cartões decrédito impediram que 20 mil bancos de emitirem cartões decrédito. Com o acordo com a MasterCard e um similar com a Visa eoutras empresas acertados no ano passado, a American Expressreceberá 4 bilhões de dólares até 2011. Em novembro, a Visa fechou acordo com a American Expresspor cerca de 2,1 bilhões de dólares. (Por Dan Wilchins)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.