Menos de 0,5% do faturamento da Minerva veio da China

A Minerva Foods informou que suas vendas para a China representaram pouco menos que 0,5% do faturamento líquido da empresa nos últimos 12 meses, com base no resultado do terceiro trimestre deste ano. As exportações para Hong Kong continuam sem restrições. A companhia esclareceu também que não exporta carne in natura para a África do Sul.

AE, Agencia Estado

13 de dezembro de 2012 | 18h08

O Ministério da Agricultura brasileiro confirmou nesta quinta-feira (13) que a China também suspendeu as compras de carne bovina do Brasil. Segundo o governo, a restrição não inclui Hong Kong, que é o segundo maior mercado importador da carne bovina brasileira. Até agora, China, África do Sul e Japão suspenderam oficialmente as importações por causa de temores em relação ao caso não clássico de "doença da vaca louca" que ocorreu em dezembro de 2010 no Paraná e foi confirmado pelo serviço sanitário brasileiro na semana passada.

Tudo o que sabemos sobre:
Minerva Foodsexportações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.