Aline Bronzati/ Estadão
Aline Bronzati/ Estadão

Mercado Livre recebe R$ 233 milhões do Goldman Sachs para ampliar oferta de crédito

As linhas de crédito do Mercado Pago disponíveis na América Latina já atingem a concessão de mais de US$ 7,5 milhões

Talita Nascimento, O Estado de S.Paulo

11 de julho de 2022 | 18h41

O Mercado Livre anunciou nesta segunda-feira, 11, que o Mercado Pago - fintech da companhia - recebeu uma nova linha de financiamento privado de US$ 233 milhões do Goldman Sachs. Desse montante, US$ 106 milhões destinam-se à ampliação da capacidade de crédito para pessoas físicas e pequenas e médias empresas no Brasil, e US$ 127 milhões correspondem ao México.

Assim, o Goldman Sachs atinge um total de US$ 485 milhões em injeções de capital no braço de crédito do Mercado Livre entre 2021 e 2022.

As linhas de crédito do Mercado Pago disponíveis na América Latina já atingem a concessão de mais de US$ 7,5 milhões, totalizando 175 milhões de empréstimos destinados ao consumidor e capital de giro para PMEs.

Entre as varejistas brasileiras, o Magazine Luiza anunciou em maio a entrada nos segmentos de cartão de crédito para empresas e empréstimo pessoal, em meio à alta da taxa de juros, que aumenta custo de crédito, e da inflação, que aumenta preços de produtos. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.