Merkel está preocupada com foco em soluções ‘fáceis’ para crise

Alemanha é contra a solução de compartilhamento do problema entre vários países

Reuters,

25 de junho de 2012 | 09h33

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, está preocupada que pessoas da União Europeia (UE) estejam pedindo por soluções supostamente "fáceis" para resolver a crise na zona do euro, como responsabilidade compartilhada de dívida, à qual a Alemanha se opõe, afirmou nesta segunda-feira o porta-voz Steffen Seibert.

"Nossa união monetária, que é muito mais do que apenas uma união monetária, está claramente em dificuldade e as taxas de juros que alguns países têm que pagar fazem parte dessa dificuldade. O governo alemão sabe disso e está determinado em achar uma boa maneira para sair da crise", disse Seibert.

"Mas a chanceler está preocupada que, pouco antes da cúpula europeia, pessoas estão novamente expressando o desejo de soluções supostamente fáceis, principalmente o desejo de responsabilidade compartilhada", disse ele em entrevista.

"Se o governo alemão se opõe a isso, é baseado na lei europeia e na constituição alemã, mas também porque é de nossa convicção econômica e política mais profunda que responsabilidade e controle devem sempre andar de mãos dadas", afirmou Seibert.

(Reportagem de Stephen Brown)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROMERKELPREOCUPADA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.