Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Microsoft estuda instalar centro de dados no Brasil

O colombiano Orlando Ayala, vice-presidente corporativo da Microsoft, está entusiasmado com o mercado brasileiro. Em visita ao País para participar da versão latino-americana do World Economic Forum, ele disse ontem que o Brasil está no ?alto da lista? dos países candidatos a receber um centro de dados da empresa.

AE, Agencia Estado

27 de abril de 2011 | 11h32

?Não quero anunciar que o Brasil já tem um data center, mas o País está no alto da lista?, disse o executivo, que também ocupa o cargo de presidente para países emergentes da companhia. ?Devemos decidir em três meses. Teremos entre oito e dez data centers em todo o mundo.?

A ideia da companhia é oferecer software para pequenas e médias empresas, no formato de computação em nuvem, em que o cliente paga como serviço, conforme a utilização. ?Estudamos construir um data center com capacidade para atender com serviço de muito alta qualidade a todas as pequenas e médias empresas do Cone Sul?, afirmou. ?O centro seria para a exportação de serviços.?

Segundo o executivo, não existem outros países latino-americanos candidatos a receber o centro de dados. Ele preferiu não dizer de quanto seria o investimento, mas disse que, no data center que a empresa acabou de inaugurar em Chicago, foram investidos cerca de US$ 80 milhões. Ayala afirmou que o Brasil está entre os 10 maiores mercados no mundo para a Microsoft. ?É um mercado absolutamente material, e um mercado material para a companhia é de mais de US$ 500 milhões?, disse o executivo. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.