Ministra da Economia da Argentina, Felisa Miceli, renuncia ao cargo

Buenos Aires, 16 - A ministra da Economia da Argentina, Felisa Miceli, apresentou seu pedido de renúncia ao presidente Néstor Kirchner, segundo porta-voz do ministério. Porém, a Casa Rosada ainda não decidiu se o pedido de Miceli foi aceito pelo presidente Kirchner, de acordo com uma alta fonte do ministério. No Ministério de Economia, já se fala que o sucessor de Miceli seria o atual secretário de Finanças, Carlos Mosse, homem de confiança de Kirchner.

Marina Guimarães

16 de julho de 2007 | 19h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.