Mitsubishi Heavy Industries diz que lamenta decisão da França sobre Alstom

A Mitsubishi Heavy Industries disse nesta sexta-feira que tomou conhecimento e lamenou a decisão do governo francês de rejeitar a sua oferta conjunta com a Siemens para uma associação com o grupo de engenharia Alstom.

REUTERS

20 de junho de 2014 | 16h05

"A Mitsubishi permanecerá comprometida com o desenvolvimento de sua relação com a França e os parceiros industriais franceses no futuro", disse a empresa japonesa em um comunicado enviado por email.

A empresa disse que estava orgulhosa da cooperação com o grupo nuclear Areva e esperava trabalhar com outras empresas francesas.

Mais cedo nesta sexta-feira, a França escolheu a General Electric para formar uma aliança com a Alstom.

(Reportagem de Natalie Huet)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASMITSUBICHIALSTOM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.