Modal rodoviário transporta mais de 60% da carga no Brasil
Conteúdo Patrocinado

Modal rodoviário transporta mais de 60% da carga no Brasil

Mercado nacional de frete movimenta cerca de R$ 365 bilhões anualmente; novas tecnologias na gestão de frotas podem reduzir custos e aumentar eficiência

Veloe, Estadão Blue Studio
Conteúdo de responsabilidade do anunciante

23 de fevereiro de 2022 | 08h00

Segundo dados da Confederação Nacional dos Transportes, mais de 60% de tudo que é produzido e consumido no Brasil chega ao seu destino por rodovias. O volume revela a importância do modal rodoviário para o País.

Do ponto de vista econômico, o mercado nacional de frota e frete movimenta mais de R$ 365 bilhões por ano, segundo projeção da Veloe. Só com combustível são gastos cerca de R$ 300 bilhões anualmente, o maior custo para o transporte de cargas.

“O preço do combustível representa uma parcela significativa de todo o valor movimentado pelo segmento de frota e frete. Sem contar o impacto em outras frentes da cadeia logística, como o valor para compra de novos veículos para a frota”, destaca André Turquetto, diretor-geral da Veloe. 

Somados ao combustível, os custos de mão de obra e gastos com o veículo representam 90% dos custos operacionais e entre 60% e 80% do faturamento de uma transportadora, segundo a Associação Nacional de Transporte de Cargas e Logística (NTC&Logística).

Tecnologia pode reduzir custos

Em um setor com altos custos, a tecnologia é a melhor forma para gerar economia e eficiência da frota. “No que diz respeito ao transporte rodoviário de carga, seja frota leve ou pesada, as melhores opções são investir no uso de soluções de gestão e de tecnologias como telemetria e roteirizador”, alerta o diretor-geral da Veloe.

Para Turquetto, uma solução de gestão de frota moderna traz benefícios para todos os envolvidos na cadeia logística – do gestor aos motoristas e veículos. Embora 85% do mercado brasileiro ainda não utilize uma solução de gestão de frota, o executivo da Veloe acredita que o mercado deva crescer nos próximos anos.

“Um levantamento interno mostrou que as empresas que contratam soluções de gestão de manutenção de frota conseguem alcançar índices de até 31% de economia”, exemplifica André Turquetto. Segundo ele, a solução oferece gerenciamento das ordens de serviços, controle de gastos, prazos de manutenção preventiva, além do controle de garantias de serviços e peças.

“Outro ponto importante é que a solução ofertada pela Veloe é personalizada e modular, contendo serviços adicionais que podem ser contratados de acordo com necessidade, tipo de frota, carga e demanda de cada cliente, como gestão de manutenção, bomba interna, dentre outras” finaliza.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Veloerodoviatransporte rodoviário

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.