MPX Energia tem prejuízo de R$ 309,2 milhões no 4º trimestre

A empresa de geração de energia, que se encontra em fase pré-operacional, registrou prejuízo de R$ 408,6 milhões em 2011 

Reuters

21 de março de 2012 | 22h06

A MPX encerrou o quarto trimestre de 2011 com prejuízo líquido de R$ 309,2 milhões, ampliando o resultado negativo em relação aos R$ 24,8 milhões obtidos no mesmo período de 2010, informou nesta quarta-feira a companhia do Grupo EBX, do empresário Eike Batista.

A empresa de geração de energia, que se encontra em fase pré-operacional, registrou prejuízo de R$ 408,6 milhões em 2011, contra prejuízo de R$ 256,25 milhões no ano anterior.

"Esse valor foi impactado pela montagem da estrutura de operação e implantação das usinas e desenvolvimento do projeto integrado de mineração na Colômbia, além do custo financeiro e contábil da captação de R$ 1,4 bilhão em debêntures", disse a MPX, em comunicado.

A MPX informou ainda receita líquida de R$ 42,1 milhões no quarto trimestre e de R$ 168,3 milhões no acumulado de 2011, contra valores apurados um ano antes, respectivamente, de R$ 27,8 milhões e de R$ 98,45 milhões.

A empresa afirma ter em construção cerca de 3 mil megawatts (MW)de energia em implementação.

As usinas Energia Pecém (720 MW) e Itaqui (360 MW), ambas a carvão mineral, estão em fase de testes e entram em operação neste semestre, de acordo com a companhia.

(Por Fábio Couto)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIAMPXRESULTS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.