Divulgação Nestle
Divulgação Nestle

Catadores de reciclagem viram ‘técnicos’ da seleção brasileira em campanha da Nestlé

Ação da companhia de alimentos faz parte ações em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente

Wesley Gonsalves, O Estado de S.Paulo

01 de junho de 2022 | 05h00

A Nestlé escalou um time de catadores de material reciclável para serem os novos “técnicos” do Brasil. Em alusão às tradicionais entrevistas coletivas que antecedem ou sucedem as partidas de futebol, a empresa de alimentos decidiu colocar os catadores em frente às câmeras para que eles possam liderar o País na luta contra o descarte irregular de lixo.

Desenvolvida pela agência HOC, o filme publicitário faz parte das ações preparadas pela gigante de alimentos para o Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado no próximo domingo, 5 de junho.

Além das comemorações, a ação publicitária busca valorizar o trabalho dos profissionais que se dedicam a reduzir a quantidade de lixo que polui a natureza. Para a catadora Paula Guedes, do centro de reciclagem SDV, a participação no filme sobre reciclagem é parte do reconhecimento à importância da sua profissão na preservação do planeta.

“Eu tenho a esperança de começarmos a ser visíveis e sermos reconhecidos como agentes ambientais, pessoas que cuidam do meio ambiente e têm uma importância para a sociedade”, disse a trabalhadora ao Estadão.

Paula é uma das estrelas da campanha, assim como outros catadores reais. Para trazer mais força ao discurso, a Nestlé decidiu convidar pessoas que atuam no dia a dia como catadores e, para isso, foram atrás de cooperativas como a Renascer, a Coopamare e a Cooperativa de Catadores de Materiais da Cavalhada (ASCAT), da SDV.

A campanha Craques da Seleção é uma das iniciativas que a Nestlé trabalha para alcançar a meta global de reciclar 100% das embalagens plásticas dos seus produtos. No País, a estimativa é atingir esse objetivo até 2025. “O trabalho dos coletores parceiros é fundamental para garantir esse objetivo”, explica a diretora de sustentabilidade da Nestlé Brasil, Barbara Sapunar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.