Netflix expandirá serviço de filmes online para 43 países da AL

Segundo analista, Brasil, México e Argentina têm cerca de 35 milhões de assinantes de banda larga, em comparação com os 10 milhões no Canadá, onde a Netflix começou sua expansão

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

05 de julho de 2011 | 16h58

A Netflix Inc. anunciou que lançará seus serviços de filmes online em 43 países da América Latina e o Caribe até o final deste ano, no mais recente passo em seus planos de expansão ao redor do mundo. Às 15h55 (de Brasília), as ações da companhia subiam 6,89%, para US$ 286,46, em Nova York, após terem sido negociadas a US$ 287,70, uma máxima histórica.

"Eles vão lançar no mercado internacional mais rápido do que os investidores pensam", disse John Blackledge, analista sênior do Credit Suisse, acrescentando que a nova região tem um número considerável de potenciais clientes. Brasil, México e Argentina têm cerca de 35 milhões de assinantes de banda larga, disse ele, em comparação com os 10 milhões no Canadá, onde a Netflix começou sua expansão internacional.

Os clientes da Netflix na região poderão acessar filmes e séries de televisão nacionais e internacionais em espanhol, português ou inglês.

A Netflix, que oferece seus serviços para os EUA desde 2007 e iniciou operações no Canadá no ano passado, tem mais de 23 milhões de membros nos dois países. A empresa planeja expandir seus negócios através do crescimento do serviço de filmes online, que tem custos mais baixos do que a sua operação de aluguel de DVD pelo correio.

Em abril, a Netflix afirmou que seu lucro no primeiro trimestre subiu 87%, enquanto a receita avançou 46%. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Netflixexpansãoamerica latina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.