Nissan e Renault atrasam projetos na Índia ante queda de vendas

As parceiras Nissan e Renault estão atrasando projetos de produção de veículos na Índia, onde uma economia em desaceleração atingiu a venda de carros e de caminhões. A terceira maior fabricante de automóveis do Japão está revisando diversos projetos com o objetivo de reduzir investimentos para melhorar seu fluxo de capital, afirmou uma porta-voz da Nissan nesta terça-feira. Uma planejada fábrica de veículos na Índia começará a operar na data prevista, primeiro semestre de 2010, mas somente em um turno ante dois turnos esperados inicialmente, disse ela. Isso se deve principalmente devido a uma decisão de adiamento por parte da Renault. Essa fábrica está projetada para ter capacidade de produção anual de 400 mil carros até 2015. A Nissan e a Renault, ainda atuantes de pequeno porte no mercado indiano, têm projetos que vão desde a fabricação de carros de passageiros a veículos comerciais, à medida que tentam alcançar líderes regionais, tais como a Maruti Suzuki India, Tata Motors e Hyundai Motor.

REUTERS

09 de dezembro de 2008 | 09h34

Tudo o que sabemos sobre:
AUTOSNISSANRENAULT*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.