Odebrecht Óleo e Gás estuda abrir capital

A Odebrecht Óleo e Gás estuda abrir capital na bolsa, disse nesta quarta-feira o diretor financeiro da companhia, Mário Silva, durante palestra no Rio de Janeiro.

Reuters

19 de setembro de 2012 | 14h24

O executivo evitou dar detalhes sobre o processo ao ser procurado por jornalistas após a palestra.

A empresa, fornecedora de equipamentos e serviços para a indústria petrolífera, anunciou em outubro do ano passado a venda de 5 por cento de seu capital para a Gávea Investimentos, do ex-presidente do Banco Central Armínio Fraga.

Na ocasião, a empresa informara que pretende investir 2,5 bilhões de dólares até 2014. O programa de investimentos da empresa, iniciado em 2006, já previa a aplicação de outros 2,5 bilhões de dólares.

Os investimentos incluem plataformas de perfuração, navios-plataforma e unidades submersíveis. O braço para petróleo e gás do conglomerado Odebrecht investe também para fornecer equipamentos e serviços para grandes petroleiras, como Petrobras, Shell, El Paso e Statoil.

(Reportagem de Sabrina Lorenzi)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIAODEBRECHTCAPITALATUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.