Oferta de US$3,1 bi da TPG por australiana Treasury Wine equipara a da rival KKR

Duas gigantes globais de private equity devem se enfrentar em uma batalha pela australiana Treasury Wine Estates, após a TPG Capital Management LP ter igualado uma oferta de 3,1 bilhões de dólares feita pela KKR por uma das maiores fabricantes de vinho do mundo.

REUTERS

11 de agosto de 2014 | 07h28

Uma semana depois de a KKR se associar com a Rhone Capital LLC para oferecer 5,20 dólares australianos por ação pela Treasury, a dona das marcas Penfolds, Lindemans e Wolf Blass disse nesta segunda-feira ter recebido uma segunda oferta idêntica de uma empresa global de private equity que solicitou permanecer anômina.

Mas a empresa por trás da segunda proposta por uma companhia que espera baixas contábeis massivas por conta de problemas nas operações dos Estados Unidos e da China é a TPG, disse à Reuters uma fonte com conhecimento direto do assunto. A Treasury se recusou a comentar mais sobre a identidade da segunda companhia, mas disse que está abrindo seus registros para ambas as candidatas para o processo de "due diligence".

Ao apresentar uma oferta que se equipara à da KKR, a TPG garante que poderá olhar em primeira mão os detalhes financeiros confidenciais da companhia que atraiu sua rival.

Embora o par ainda possa retirar seu interesse após o "due diligence", a perspectiva de haver ofertas concorrentes de duas das maiores investidoras de private equity do mundo fez as ações da Treasury subirem 4 por cento, para fechar em uma máxima do ano de 5,33 dólares australianos - acima da oferta indicativa de ambas as companhias e avaliando a fabricante de vinhos em cerca de 3,21 bilhões de dólares.

(Por Byron Kaye e Stephen Aldred)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASTPGCAPITALKKR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.