Wilton Junior|Estadão
Wilton Junior|Estadão

Oi lança internet por fibra em Campinas (SP) e disputa território com Claro e Vivo

O movimento é um dos primeiros após a aprovação do Cade para a venda da Oi Móvel para as operadoras Claro, TIM e Vivo

Circe Bonatelli, O Estado de S.Paulo

05 de abril de 2022 | 18h53

A Oi lança nesta semana seu serviço de internet por fibra ótica em Campinas (SP). A operadora já oferece a banda larga de alta velocidade nas cidades de São Paulo e Guarulhos, e busca expandir sua atuação no restante do Estado - que é tradicionalmente dominado por Claro e Vivo, além de companhias regionais. O movimento é um dos primeiros após a aprovação do Cade para a venda da Oi Móvel para as operadoras Claro, TIM e Vivo. A aposta da Oi agora é no ramo de internet fixa por fibra. 

Os planos ofertados em Campinas serão: 400 Mega (megabits) por R$ 99,90/mês, 500 Mega por R$ 119,90/mês e de 1 Giga (gigabit) por R$ 279,90/mês. A expectativa é montar uma rede com a cobertura disponível para 125 mil endereços (homes passed, ou casas passadas com fibra, no jargão) até o fim do ano.

Para crescer no segmento de banda larga por fibra ótica, a Oi conta com a subsidiária V.tal, um negócio que será desenvolvido em parceria com o BTG Pactual (ainda pendente de todas as aprovações). A chegada da fibra da Oi em São Paulo contou com um evento de lançamento há exatamente um ano. Na ocasião, o plano anunciado foi de alcançar mais de 2 milhões casas passadas até o fim de 2022.

No País como um todo, a cobertura da rede de fibra está disponível para 15,5 milhões de endereços. Com a inclusão de Campinas, o serviço passa a ser comercializada em 213 cidades no Brasil. Nos últimos 12 meses, a Oi registrou média de 102 mil novos clientes por mês.

 

Tudo o que sabemos sobre:
OiinternetBTG Pactual

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.