Óleo soja: argentinos e chineses discutem exportações

São Paulo, 5 - As exportações argentinas de óleo de soja para a China não deverão ser afetadas pelas novas regras estipuladas pelo governo para a importação do óleo de soja, disse hoje o embaixador argentino Juan Carlos Morelli. Segundo ele, especialistas dos dois países reunidos desde segunda-feira estão debatendo sobre os novos padrões e pretendem chegar a um consenso até a próxima semana. Em julho, a China divulgou novas regulações para óleos comestíveis, incluindo padrões de qualidade para óleo de soja bruto e refinado, que passaram a vigorar a partir do dia 1º de outubro. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.