Onze bancos dos EUA já faliram em 2011

Desde o início da crise financeira, em 2007, 336 bancos do país declararam falência, num total de ativos de US$ 650,7 bilhões

Luciana Antonello Xavier, da Agência Estado,

31 de janeiro de 2011 | 16h26

O número de falências de bancos em 2011 contabilizadas no mês de janeiro nos Estados Unidos estava em 11 na última sexta-feira, dia 28, informou o Federal Deposit Insurance Corporation (FDIC). Os 11 bancos que faliram custaram ao FDIC cerca de US$ 1,19 bilhão de seu fundo de seguro.

No ano passado, o número de falências ficou em 157, o maior número desde 1992 e acima do registrado em 2009, de 140 bancos. Desde o início da crise financeira, em 2007, 336 bancos declararam falência, num total de ativos de US$ 650,7 bilhões e um custo ao FDIC de cerca de US$ 75,80 bilhões. Além disso, em setembro do ano passado, 860 instituições financeiras estão na lista de bancos "com problemas" do FDIC, o maior nível desde 1992.

Apenas na sexta-feira, quatro bancos fecharam, de Oklahoma, Wisconsin, Colorado e Novo México. Em 2010, os estados recordistas de falências de bancos foram Flórida, Geórgia, Illinois e Califórnia.

 
Tudo o que sabemos sobre:
bancosEUAfalência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.