Opep quer se reunir com AIE para evitar nova liberação de petróleo

Organização quer evitar uma repetição da liberação de estoques de petróleo que balançou as relações entre produtores e consumidores na semana passada

Danielle Chaves, da Agência Estado,

29 de junho de 2011 | 11h48

O secretário-geral da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), Abdalla Salem El-Badri, quer se reaproximar da Agência Internacional de Energia (AIE) e evitar uma repetição da liberação de estoques de petróleo que balançou as relações entre produtores e consumidores.

El-Badri espera marcar uma reunião com o diretor executivo da AIE, Nobuo Tanaka, para discutir uma melhor coordenação entre os dois grupos. "Nós não queremos que isso se repita", afirmou El-Badri com relação à decisão da AIE, tomada na semana passada, de liberar reservas estratégicas de petróleo.

Apesar da firmeza das declarações da autoridade da Opep, ela conteve um tom mais conciliatório do que no início da semana, quando El-Badri criticou duramente o movimento da AIE. "Talvez ele possa vir aqui (a Viena) ou eu posso ir lá e tentaremos discutir as consequências dessa decisão", disse El-Badri.

Segundo El-Badri, nenhum plano para encontrar Tanaka foi finalizado. No entanto, a autoridade disse que sua mensagem será de que os consumidores e os produtores de petróleo devem trabalhar juntos no caso de repentinos problemas, já que os membros da Opep estão sempre prontos para atender às necessidades do mercado. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
OpeppetróleodemandaproduçãoAIE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.