Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

OSX obtém financiamento internacional de US$ 420 milhões

Cifra será destinada ao financiamento dos custos de aquisição e customização da plataforma FPSO OSX-1

Agência Estado,

30 de setembro de 2010 | 09h59

A OSX Brasil, empresa de construção naval, afretamento e serviços do Grupo EBX do empresário Eike Batista, informou há pouco que sua subsidiária OSX 1 Leasing B.V., proprietária da plataforma FPSO (Floating Production Storage & Offloading) OSX-1, obteve hoje junto a um sindicato de bancos internacionais, liderado pelo banco norueguês DVB Bank, empréstimo de longo prazo (8,5 anos) no valor de US$ 420 milhões, à taxa Libor de 4,25% ao ano. A cifra será destinada ao financiamento dos custos de aquisição e customização do FPSO OSX-1.

Além do DVB Bank, as instituições financeiras participantes do sindicato que concedeu o financiamento são: Credit Agricole, Eksportfinans, GIEK, ING Bank, Santander e ABN Amro Bank.

De acordo com a companhia, a plataforma FPSO OSX-1 foi fretada à OGX Petróleo e Gás, à taxa diária média de US$ 263 mil, pelo período de 20 anos contado da conclusão das obras de customização em curso em Cingapura, para sua futura operação no Brasil, na Bacia de Campos.

Óleo e gás

A OGX Petróleo informou que identificou presença de hidrocarbonetos, com indicativo de óleo leve e gás, no poço OGX-19, no bloco BM-S-58 da Bacia de Santos, situado a 112 km da costa. A OGX detém 100% de participação no bloco. A perfuração do poço encontra-se em andamento até a profundidade total estimada de 5.250 metros. A sonda Ocean Quest iniciou as atividades de perfuração no dia 13 de agosto.


Tudo o que sabemos sobre:
petróleopoçoOGXEike Batista

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.