Perdigão diz que fábrica incendiada retoma operações em 1 semana

A Perdigão informou neste domingo que iniciará na segunda-feira o trabalho de recuperação do complexo agroindustrial de Rio Verde (GO), atingida por um incêndio no sábado. A companhia avalia que as operações na unidade devem ser retomadas em uma semana.

REUTERS

22 de março de 2009 | 17h19

No momento do início do fogo, haviam 3 mil funcionários da companhia na planta, que tem capacidade para abete de 420 mil aves por dia.

De acordo com o comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários CVM), o complexo industrial está coberto por apólices de seguro, inclusive relativas a lucros cessantes. E o abastecimento a clientes dos mercados interno e externo feitos a partir daquela planta não será garantido pelo realinhamento da produção de outras unidades.

"A retomada das operações da planta (..) deverá ocorrer, de forma gradativa, a partir de 30 de março", diz trecho do comunicado.

(Reportagem e edição de Aluísio Alves)

Tudo o que sabemos sobre:
EMPRESASPERDIGAOINCENDIO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.