Marcos Arcoverde/Estadão
Marcos Arcoverde/Estadão

Petrobras anuncia início de oferta de até US$ 1,5 bi para recompra de títulos globais

Os títulos estão separados em dois grupos independentes e a oferta está limitada ao montante a ser dispendido pela PGF de US$ 750 milhões por grupo, totalizando US$ 1,5 bilhão

Beth Moreira, O Estado de S.Paulo

06 de julho de 2022 | 11h20

A Petrobras anunciou nesta quarta-feira, 6, o início de oferta de recompra de títulos globais, por meio da sua subsidiária integral Petrobras Global Finance B.V. (PGF), limitado ao valor de US$ 1,5 bilhão. A oferta de recompra é para a totalidade de títulos globais em circulação com vencimentos em 2024, 2025, 2026, 2027, 2028, 2029, 2030, 2031, 2034, 2051, 2043 e 2050.

Os títulos estão segregados em dois grupos, independentes entre si, e a oferta está limitada ao montante a ser dispendido pela PGF de US$ 750 milhões por grupo, totalizando US$ 1,5 bilhão. Adicionalmente, os detentores de títulos que entregarem seus títulos também receberão juros capitalizados, até a data de liquidação.

Caso o montante ofertado pelos investidores na oferta de recompra de um determinado título faça com que o limite por grupo de US$ 750 milhões seja excedido, a oferta poderá ser cancelada para aquele título e aceita para o(s) título(s) seguintes, seguindo a ordem de prioridade, até que o limite de US$ 750 milhões seja alcançado, conforme os termos e condições da oferta, de forma que nenhum título poderá ser aceito parcialmente.

A oferta de recompra expirará em 12 de julho de 2022. A operação será conduzida por BofA Securities, Inc., Banco Bradesco BBI, Credit Agricole Securities (USA) Inc., Deutsche Bank Securities, Inc., JPMorgan Securities LLC e SMBC Nikko Securities Americas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.