Fábio Motta|Estadão
Fábio Motta|Estadão

Petrobrás conclui venda de gasoduto à Brookfield

Negócio contempla fatia de 90% na Nova Transportadora do Sudeste (NTS) por US$ 5,2 bilhões

Reuters

08 Setembro 2016 | 11h39

A Petrobrás concluiu as negociações para vender a unidade de gasodutos Nova Transportadora Sudeste (NTS) para um consórcio liderado pela canadense Brookfield, informou a estatal em fato relevante ao mercado nesta quinta-feira, sem revelar imediatamente os detalhes do negócio.

O acordo envolve a venda de 90% da participação da Petrobrás na NTS para um grupo de investidores liderados pela Brookfield Asset Management, por cerca de US$ 5,2 bilhões, segundo fontes de mercado.

"Após atendidas as etapas previstas no processo de desinvestimento da Petrobrás, os termos e condições finais da operação serão submetidos à deliberação dos órgãos estatutários da companhia e, caso aprovados, serão tempestivamente divulgados ao mercado", limitou-se a dizer a estatal.

O grupo de investidores inclui o fundo de pensões de British Columbia, no Canadá, e os fundos soberanos CIC (China) e GIC (Cingapura), apurou a Reuters. A venda da NTS será submetida ao Conselho de Administração da Petrobras, e o fechamento do negócio é esperado para o final de setembro, segundo uma fonte de mercado.

Se confirmado o valor do negócio, o acordo deverá ser o maior desinvestimento até o momento dentro do plano da Petrobras, que prevê vender cerca de US$ 15 bilhões em ativos em 2015 e 2016.

Mais conteúdo sobre:
Petrobrás Gasoduto Brookfield

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.