Petrobrás deve investir US$ 350 milhões em terminal marítimo

Estrutura será utilizada para escoar a futura produção de petróleo nos campos do pré-sal da Bacia de Santos

Kelly Lima, da Agência Estado,

23 de maio de 2011 | 17h23

O diretor de Abastecimento da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, afirmou nesta segunda-feira, 23, que a companhia programa investimentos de US$ 350 milhões na construção de um terminal marítimo para escoar a futura produção de petróleo nos campos do pré-sal da Bacia de Santos.

Segundo ele, a opção pelo terminal flutuante - que será instalado a 90 quilômetros da costa, entre os Estados do Rio de Janeiro e de São Paulo - surgiu com a impossibilidade de expansão dos terminais terrestres existentes hoje em São Sebastião (SP) e em Angra dos Reis (RJ). "Vamos instalar um navio-tanque de posicionamento dinâmico (sem âncoras) para receber o grande volume que virá dos campos do pré-sal", disse em entrevista ao chegar ao seminário sobre logística e infraestrutura da Abimec-Rio.

Segundo ele, a estatal já lançou licitação para a construção do terminal que terá capacidade para receber entre dois e três milhões de barris de petróleo por dia. O executivo disse que a implementação de outros terminais semelhantes está programada para um futuro próximo. O diretor não quis comentar sobre preços de derivados ou sobre o Plano de Investimentos da estatal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.