Petrobrás lança oferta de bônus de US$ 6 bilhões

Oferta incluiu US$ 2,5 bilhões em notas de 5 anos, US$ 2,5 bilhões em notas de 10 anos, e US$ 1 bilhão em notas de 30 anos

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

20 de janeiro de 2011 | 14h10

A Petrobras International Finance Company (PIFCo), subsidiária da Petrobrás, lançou uma oferta de US$ 6 bilhões de bônus, de acordo com uma fonte com conhecimento do assunto.

A oferta incluiu US$ 2,5 bilhões em notas de 5 anos, US$ 2,5 bilhões em notas de 10 anos, e US$ 1 bilhão em notas de 30 anos. Cada um dos vencimentos foi lançado nesta quinta-feira, com o bônus de 5 anos em 190 pontos-base sobre os Treasuries comparáveis, o de 10 anos em 195 pontos-base, e o de 30 anos em 220 pontos-base.

No geral, os yields lançados hoje ficaram baixo das projeções apresentadas na quarta-feira que eram de 195 pontos-base sobre os Treasuries comparáveis para as notas de cinco anos, de 200 pontos-base para as notas de 10 anos e de 225 pontos-base para os bônus de 30 anos.

A emissão de US$ 6 bilhões de bônus dá início aos planos da companhia para ingressar nos mercados de dívida durante os próximos anos.

O BTG Pactual, Citigroup, HSBC Holdings, Itaú Unibanco, JPMorgan e Banco Santander foram os coordenadores da operação, de acordo com um documento enviado à Securities and Exchange Commission (SEC, comissão de valores mobiliários dos EUA). As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Petrobrásbônusofertaemissão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.