Petrobras perfura 10º poço em Tupi e confirma potencial

A Petrobras informou no início da noite que encontrou petróleo de boa qualidade no décimo poço perfurado na área de Tupi. Batizado de Tupi W, o poço foi perfurado a 11 quilômetros a noroeste do poço perfurador da maior descoberta de petróleo brasileira. Segundo a estatal, o sucesso em Tupi W confirma o potencial de reservas na jazida, estimado entre 5 e 8 bilhões de barris de petróleo.

NICOLA PAMPLONA, Agencia Estado

15 de dezembro de 2010 | 20h07

Em nota oficial, a empresa anunciou que o óleo encontrado no poço Tupi W tem 28º API e confirma a extensão da jazida até o extremo oeste da área do plano de avaliação de Tupi, que tem de ser concluído até o dia 31 de dezembro. "A avaliação final dos volumes das áreas de Tupi e Iracema encontra-se em fase de conclusão e será divulgada quando da declaração de comercialidade, prevista para o final de dezembro do corrente ano", disse a companhia. Segundo o texto, o consórcio responsável pela concessão, que tem também as empresas BG e Galp, estuda a possibilidade de alugar um FPSO para atuar na porção oeste da jazida.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleopoçoTupiPetrobras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.