Petrobras planeja economia de R$ 7,3 bilhões em 2014

A Petrobras pretende reduzir seus custos em R$ 7,3 bilhões neste ano, no âmbito do Programa de Otimização de Custos Operacionais da Petrobras (Procop). A iniciativa teve início em dezembro de 2012. Em 2013, a economia foi de R$ 6,6 bilhões, informou a companhia em nota.

NATALIA GÓMEZ, Agencia Estado

17 de abril de 2014 | 20h08

Na ocasião, o Procop previa uma economia de R$ 32 bilhões entre 2013 e 2016, mas essa previsão foi ampliada para R$ 34 bilhões com a inclusão das subsidiárias Liquigás, BR Distribuidora e Petrobras Biocombustível em julho de 2013. "O programa agora revisa sua meta, elevando-a para R$ 37,5 bilhões entre 2013 e 2016", informou a estatal.

O Procop estenderá seu escopo de atuação para a área internacional. As iniciativas incorporarão os ativos operacionais da Petrobras em oito países (Argentina, Bolívia, Chile, Uruguai, Paraguai, Colômbia, Estados Unidos e Japão), nos segmentos de produção de petróleo e gás natural, refino e distribuição. As metas de otimização de custos da área internacional serão estabelecidas em setembro de 2014, informou a nota.

Tudo o que sabemos sobre:
petrobrasProcopcustos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.