Petrobras reduz importação de derivados

A Petrobras registrou queda de 31% na importação de derivados em geral no segundo trimestre, contra o primeiro trimestre. Foram importados menos 115 mil barris por dia no trimestre. A redução foi puxada pela queda de 66% na importação de diesel e gasolina, que havia sido de 240 mil b/d no primeiro trimestre e passou a 81 mil barris/dia no segundo trimestre.

SABRINA VALLE, Agencia Estado

12 de agosto de 2013 | 10h33

A estatal disse que a redução na importação aconteceu por causa do aumento da produção nacional de gasolina (mais 48 mil b/d) e de diesel (mais 16 mil b/d). No caso da gasolina, também contribuiu o aumento da mistura de etanol na gasolina de 20% para 25%.

A Petrobras informou que as importações devem voltar a crescer no segundo semestre "em função do aumento sazonal das vendas e da menor produção doméstica devido a paradas programadas.

Tudo o que sabemos sobre:
Petrobrasproduçãoimportação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.