Petrobrás venderá 20% de dois blocos em Santos à australiana Karoon

Entrada da Karoon nos blocos depende, contudo, de aprovação da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis

Reuters,

30 de agosto de 2010 | 12h42

Enquanto aguarda a capitalização, a Petrobrás fez acordo com a australiana Karoon Petróleo e Gás para vender parte de dois blocos da estatal na bacia de Santos, segundo anúncio feito pela empresa da Austrália na noite de domingo.

A Karoon informou que vai adquirir 20% dos prospectos BM-S-41/S-M 1352 (Maruja) e BM-S-41/S-M-1354 (Quasi) localizados na cobiçada bacia de Santos, onde a estatal brasileira descobriu reservas gigantes na camada do pré-sal. A empresa é uma subsidiária da Karoon Gas Australia.

A entrada da Karoon nos blocos depende no entanto de aprovação da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, informou a companhia estrangeira em um comunicado. A Petrobrás permaneceria como operadora, com 80% dos ativos.

A perfuração em Quasi já começou e continuará ao longo de setembro. No próximo mês, os trabalhos começarão em Maruja. "Os resultados de ambos os poços são esperados até o final de 2010", disse a Karoon em nota.

A empresa australiana ressaltou que o desenvolvimento desses prospectos pode ser feito rapidamente, assim como o início da produção, mas não estabeleceu prazos. Segundo o comunicado, os prospectos que serão adquiridos estão na mesma área de de Tiro e Siron, recentes promissoras descobertas da Petrobrás.

(Por Denise Luna)

Tudo o que sabemos sobre:
Petrobrásenergia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.