Petróleo e setor de tecnologia impulsionam Wall Street

As bolsas norte-americanas fecharamem alta nesta segunda-feira, com a introdução de um BlackBerrymais rápido elevando o otimismo com os gastos empresariais comtecnologia, enquanto a queda do petróleo acalmou aspreocupações com inflação. O índice Dow Jones teve alta de 1,02 por cento, a 12.876pontos. O Standard & Poor's 500 subiu 1,10 por cento, a 1.403pontos. O Nasdaq avançou 1,76 por cento, a 2.488 pontos. As ações da Research in Motion subiram 6,9 por cento para141,97 dólares e atingiram um novo recorde, dando um impulso aosetor de tecnologia. O índice Nasdaq ainda subiu mais comnotícias de que a HP está perto de um acordo de compra com aElectronic Data Systems Corp por 13 bilhões de dólares. As financeiras também ganharam, com a seguradora de bônusMBIA, que apresentou resultados acima do esperado, afirmandoque o volume de seu novo negócio parece estar crescendo. O Dow ainda recebeu um grande empurrão após o Citigroupelevar sua previsão para os preços do alumínio, impulsionado asações da Alcoa Inc em 6,6 por cento. "Todas as grandes notícias que saíram hoje são relacionadasao setor de tecnologia", disse Angel Mata, diretor gerente denegócios com ações listadas da Stifel Nicolaus Capital Markets. "Existe um foco nestas empresas que são ultinacionais epossuem uma porcentagem de sua receita vindo de lugares forados Estados Unidos." (Reportagem de Caroline Valetkevitch)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.