Petróleo supera US$114 com aperto de oferta do Mar do Norte

O petróleo tipo Brent subiu para cerca de 114 dólares o barril nesta segunda-feira, com suporte do aperto da oferta do Mar do Norte, antes do fechamento de um campo de petróleo importante no Reino Unido para manutenção e com expectativas de maior demanda antes do inverno no hemisfério norte.

Reuters

20 de agosto de 2012 | 09h27

O maior campo de petróleo da Grã-Bretanha, Buzzard, que é o maior contribuinte do fluxo de petróleo do grande campo Forties, e que, normalmente, define o preço do contrato de referência do Brent, vai fechar no próximo mês, suspendendo a produção até meados de outubro.

A produção dos campos de petróleo do Mar do Norte deve recuar cerca de 17 por cento em setembro, ajudando a elevar os preços para os contratos mais próximos. Porém, a queda deve ser temporária e traders esperam que a pressão seja aliviada após o término da manutenção.

Por volta das 8h50 (horário de Brasília) o contrato outubro do Brent estava em alta de 71 centavos, cotado a 114,42 dólares o barril, após ter perdido mais de 2 dólares na sexta-feira, com as expectativas de que a Casa Branca pudesse liberar parte de suas reservas. O petróleo dos EUA operava a 96,14 dólares o barril, com alta de 13 centavos.

(Reportagem de Christopher Johnson)

Tudo o que sabemos sobre:
ENERGIAPETROLEOALTA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.