Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Fundador da Petz vende parte de suas ações na empresa para quitar empréstimo

Com a venda realizada em Bolsa, equivalente a 10 milhões de ações, a fatia de Sergio Zimerman no negócio cai para 26,2%

Fernanda Guimarães, O Estado de S.Paulo

24 de março de 2022 | 18h06

O fundador e presidente da Petz, Sergio Zimerman, vendeu o equivalente a 7,5% de sua participação na varejista de produtos para animais nesta quinta-feira, 24, em transação em Bolsa intermediada pelo banco Itaú BBA. O empresário teve sua participação reduzida de 28,8% para 26,2%, após vender 10 milhões de ações da companhia.

Ao Estadão, Zimerman disse que a venda ocorreu para liquidar um empréstimo pessoal tomado em um momento em que os juros estavam muito baixos, mas que deixou de fazer sentido com a Selic indo a 11,75%, com viés de alta. “Foi uma transação para um equilíbrio financeiro pessoal”, disse.

O executivo afirmou que a operação foi pontual e foi feita de  uma única vez, para evitar pressão sobre o preço das ações. Ele frisou que chegou a ser consultado durante a tarde de que havia demanda para 15 milhões de ações, caso seu desejo fosse de vender uma fatia maior. Na Bolsa, a Petz, a maior varejista do setor do País, vale hoje cerca de R$ 8,7 bilhões.

Tudo o que sabemos sobre:
Petzbolsa de valores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.