Peugeot Citroën investirá R$ 1,4 bi no Brasil até 2012

A PSA Peugeot Citroën investirá no Brasil R$ 1,4 bilhão até 2012. O anúncio foi feito pelo presidente mundial da montadora, Philippe Varin, na presença do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, no Centro de Produção do Grupo PSA no País. Em nota, a montadora de origem francesa explicou que boa parte dos recursos será empregada no desenvolvimento de projetos de veículos das marcas Peugeot e Citroën, além de novos motores. A empresa também quer investir no aumento da capacidade de produção do Centro de Produção de Porto Real.

MICHELLY CHAVES TEIXEIRA, Agencia Estado

25 de março de 2010 | 12h25

Em julho de 2009, a empresa inaugurou uma Unidade de Usinagem de Motores no Centro de Produção de Porto Real. No último janeiro, contratou 700 funcionários para a implantação do terceiro turno - que entrou em atividade em 18 de fevereiro - para a produção de veículos e motores na unidade industrial.

"A América Latina, particularmente o Brasil, são fundamentais para a concretização de nossa ambição de sermos um grupo cada vez mais global", afirmou o presidente da montadora, em nota. Segundo ele, até o fim do primeiro semestre de 2010 a Peugeot lançará a picape compacta Hoggar, enquanto a Citroën prepara o lançamento de um novo modelo no segundo semestre.

Varin, disse confiar no crescimento de 5% a 10% do mercado brasileiro de automóveis, o que, para ele, "é excelente em comparação com outros países". Segundo ele, o grupo francês pretende ampliar a sua participação no mercado brasileiro, que atualmente é de 5%, com o lançamento de novos modelos este ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.