Portobello investirá R$ 210 milhões em fábrica no AL

A Portobello fez, nesta segunda-feira, 25, o lançamento da pedra fundamental de sua fábrica localizada em Alagoas, no município de Marechal Deodoro, na Grande Maceió. O empreendimento terá um investimento de R$ 210 milhões. Segundo a empresa, o objetivo do projeto é ter uma base produtiva em uma posição estratégica para atender à expansão das vendas, principalmente nas regiões Nordeste e Norte.

FÁTIMA LARANJEIRA, Agencia Estado

25 de novembro de 2013 | 14h53

"Com essa nova fábrica, vamos ampliar nossa atuação em todo o território nacional, consolidar nossa participação no importante mercado do Nordeste e aumentar a nossa presença no mercado internacional", diz o presidente da Portobello, Cesar Gomes Júnior, em nota divulgada pela companhia. Segundo ele, isso será possível devido à posição estratégica da nova unidade e ao uso de tecnologias de ponta, comerciais e de logística.

As obras da Portobello Nordeste, que contam com financiamento do Banco do Nordeste, estão na fase de infraestrutura e a produção deve começar no primeiro semestre de 2015. A área total do terreno é de 1 milhão de metros quadrados e a área total construída, de 45 mil metros quadrados. Serão gerados mais de 250 empregos diretos e cerca de 750 indiretos, conforme a empresa.

A escolha do local está baseada também no fato de o Nordeste ser um mercado em expansão, respondendo por 25% do mercado cerâmico nacional, e apresentar taxas de crescimento superiores à média brasileira.

Tudo o que sabemos sobre:
PortobellofábricaAlagoas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.