Preço de passagem aérea recuou quase 18% até agosto, diz Anac

As tarifas aéreas recuaram 17,7 por cento no ano até agosto em relação ao mesmo período do ano passado, informou nesta sexta-feira a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

REUTERS

25 de novembro de 2011 | 15h49

Apenas em agosto, o recuo foi de 7,7 por cento sobre o mesmo mês de 2010, passando de 265,24 reais para 244,74 reais, segundo a agência, confirmando o cenário de forte competição que pressionou o resultado das empresas aéreas no terceiro trimestre.

O valor de agosto é o menor para o mês desde 2002, quando a agência começou a fazer o levantamento. O maior valor para o mês ocorreu em 2006 quando o preço da tarifa média foi de 438,16 reais, segundo o relatório.

"Na comparação com agosto de 2002, observou-se que o passageiro pagou menos da metade do que pagava há nove anos para voar em território nacional", afirmou a agência em comunicado à imprensa.

Segundo o relatório da Anac, a média de preços das tarifas entre janeiro e agosto deste ano, de 253,5 reais, é 4,5 por cento menor do que os 265,5 reais calculados para o mesmo período de 2010.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Tudo o que sabemos sobre:
AEREASANACTARIFAS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.