Preço do minério de ferro atinge mínima em 8 meses na China

Os preços oferecidos no mercado à vista pelo minério de ferro importado na China, maior comprador global, caíram mais nesta quarta-feira, com a taxa referencial tendo atingido o seu menor valor desde novembro, em meio a uma fraca demanda no mercado de aço.

Reuters

20 de julho de 2012 | 13h30

As siderúrgicas da China estão ligeiramente reduzindo a produção em resposta à fraca demanda, segundo os mais recentes relatórios da indústria, o que tem indicado que os preços do minério de ferro podem cair mais, se as mineradoras continuarem elevando a produção.

A BHP Billiton, terceira produtora global de minério de ferro, divulgou na noite de terça-feira um aumento de 15 por cento na sua produção para o trimestre encerrado em junho, na comparação com o mesmo período do ano passado. A companhia informou ainda que pretende elevar a produção em 5 por cento no ano comercial 2013.

Vendedores de carregamentos importados, incluindo aqueles de cargas da Austrália e Brasil, reduziram os preços na China entre 1 e 2 dólares por tonelada na quarta-feira, após cortarem em 3 dólares na terça-feira, segundo a consultoria Umetal.

Os cortes seguiram-se a uma queda no preço referencial do minério com 62 por cento de ferro a 129,40 dólares a tonelada na terça-feira, o menor valor desde 8 de novembro.

A queda marcou a segunda vez que o minério de ferro caiu abaixo de 130 dólares a tonelada neste ano, e traders dizem que os preços poderão cair ainda mais.

"As pessoas estão comparando este ano com a crise de 2008. A diferença para 2008 é que traders queriam conseguir empréstimos, e os bancos se recusavam. Neste ano, os bancos querem emprestar, mas os traders têm se recusado, porque eles estão realmente pessimistas sobre o mercado global e a economia", disse um operador do mercado de minério de ferro em Rizhao, na China.

"Eu não vejo qualquer recuperação para os mercados de aço e minério de ferro nos próximos dois meses."

A Vale, maior produtora global de minério de ferro, anuncia dados de produção no segundo trimestre nesta quarta-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
SIDERURGIAPRECOMINERIOMINIMA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.