Prêmios na Brasilprev crescem 39% no trimestre

A Brasilprev, empresa de planos de previdência privada coligada da BB Seguridade em parceria com a americana Principal Financial Group, elevou seus prêmios em 39% no primeiro trimestre de 2013, para R$ 6,1 bilhões, em relação ao mesmo período do ano passado. Apesar do crescimento das receitas, o lucro líquido da empresa permaneceu praticamente estável com leve alta de 0,3% na mesma base de comparação, para R$ 128 milhões.

ALINE BRONZATI, Agencia Estado

14 de maio de 2013 | 08h25

"O desempenho operacional, caracterizado pelo aumento das receitas e crescimento do resultado de previdência e seguros, teve como contrapartida um resultado financeiro 12% menor em relação ao mesmo período de 2012", explica a empresa no relatório que acompanha as suas demonstrações financeiras.

O resultado financeiro da Brasilprev foi de R$ 77,895 milhões de janeiro a março, queda de 12,4% em um ano e de 20,8% na comparação com o quarto trimestre de 2012. O retorno sobre o patrimônio líquido médio (ROAE) da Brasilprev no primeiro trimestre foi a 53,7%, queda de 14,3 pontos porcentuais em um ano e de 6,6 p.p. em relação aos três últimos meses de 2012.

Os ativos da Brasilprev registraram expansão de 33,8% em 12 meses, totalizando R$ 73,554 bilhões ao final de março, sustentados pelo crescimento das reservas, que se refletiu no aumento do volume de aplicações financeiras. O patrimônio líquido registrou crescimento de 23,9% no período, para R$ 1,137 bilhão.

Fundada em 1993 em uma parceria entre o Banco do Brasil e um grupo de companhias de seguros, a Brasilprev completa 20 anos em 2013 e tem cerca de 1,6 milhão de clientes. O BB tem 74,99% de participação enquanto o Principal Financial Group tem 50,01% das ações com direito a voto.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.