Produção brasileira de aço sobe 6,3% em março

A produção de aço no Brasilsubiu 6,3 por cento em março contra igual mês do ano passado,para 2,960 milhões de toneladas, segundo dados preliminares doInstituto Brasileiro de Siderurgia divulgado nestaterça-feira. No ano, a produção acumula alta de 8,1 por cento,totalizando 8,640 milhões de toneladas de aço bruto. O Brasil éo maior produtor de aço da América Latina, seguido pelo México,Venezuela e Argentina. O maior produtor mundial é a China, comprodução mensal superior a 30 milhões de toneladas. "As vendas internas de laminados em março atingiram 1,86milhão de toneladas, 12,8 por cento superiores ao mesmo mês de2007, mantendo dessa forma o desempenho verificado nos mesesanteriores", informou o IBS em um comunicado. Os aços laminados planos tiveram incremento de vendas de9,2 por cento, para 1,117 milhão de toneladas, enquanto o açolongo teve vendas 18,6 por cento maiores, de 741,2 miltoneladas. Os aços semi-acabados, como placas, blocos e tarugos,tiveram incremento de vendas de 29,9 por cento, puxadas pelasplacas que em março tiveram vendas 43 por cento maiores do quehá uma ano, somando 34,6 mil toneladas. As vendas de blocos etarugos cresceram 17,2 por cento, para 20,3 mil toneladas. Segundo o instituto, a performance crescente dos setoresautomotivo e da construção civil continuam impulsionando ademanda de aço neste ano. Março foi o terceiro mês consecutivode recorde em vendas internas. (Reportagem de Denise Luna)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.